domingo, 9 de agosto de 2009

AMAZÔNIA – parte 1



A PALESTRA DAS FORÇAS ARMADAS


No dia 18/05/09 eu e minha turma da faculdade de Medicina da UFF fomos convidados a assistir a palestra das Forças Armadas sobre a necessidade legal de todo recém formado em Medicina, Veterinária, Odontologia e Farmácia se reapresentar para regularizar sua situação junto à “nação”.

Quando fiz 18 anos me apresentei na Marinha e nunca tive a intenção de servir. Fui, felizmente, dispensado por “excesso de contingência” na época.

Estava lá no auditório ouvindo a palestra do Major, quando quase no final ele falou: “...e existe a possibilidade de voluntariado para servir na Amazônia”. Uma estranha sensação surgiu dentro de mim. Uma vontade de uma vez na vida sucumbir à uma aventura que me desviasse de tudo que eu vinha planejando. Recém formado, fazendo pós-graduação de Homeopatia, fazendo cursinho para a residência de Psiquiatria, dando plantões e atendendo ambulatório em uma clínica psiquiátrica... teria que abandonar tudo por um ano, sem falar em abandonar meu namoro, minha família, meus amigos, meus cachorros, minhas aulas de kung fu... tantos detalhes, tantas coisas! Minha cabeça tornou-se um turbilhão naquele momento. E o Major continuava: “vocês terão que passar por uma seleção, fazer um treinamento... não esperamos que vocês se tornem Rambos, mas precisam aprender a prestar uma continência, dar uns tiros, enfim, aprender um pouco sobre a vida militar...”.

E foi assim, após uma simples palestra, sem nunca ter cogitado isso, que decidi me voluntariar para ser médico do Exército por um ano na Amazônia.

2 comentários:

Gustavo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gustavo disse...

TAMBÉM SAÍ INSPIRADO DA REUNIÃO,
VOU ME VOLUNTARIAR!!!!!
SEU BLOG ME AJUDOU TB, TE MEANDEI UM E-MAIL PEDINDO ALGUMAS INFORMAÇÕES...
SE VC PODER RESPONDER , FICAREI ETERNAMENTE GRATO!!!!
ABRAÇO, RODRIGO BARRETO
rodrigo_barreto_84@hotmail.com